top of page
Buscar
  • Marcello Miranda Machado Filho

Educação corporativa: o que é e qual a importância

A educação corporativa vai muito além de oferecer uma boa posição na empresa e uma nobre remuneração. Claro que o lado financeiro é essencial para o colaborador, mas existem outros pontos tão importantes quanto os salários recebidos. É fundamental investir no desenvolvimento e satisfação de todos os funcionários, pois educar corporativamente também é humanização, tanto da sociedade quanto da empresa. É um exercício de responsabilidade global, visto que destina-se à formação de profissionais íntegros, competentes e que irão acrescentar valores à sua corporação.


Com o passar dos anos e as mudanças no campo empresarial, as corporações começam a se preocupar mais com o treinamento e desenvolvimento humano das suas equipes. Está cada vez mais clara a importância do aprendizado contínuo para que seja visível e satisfatório o resultado e rendimento dos colaboradores. A educação corporativa é basicamente isso, um sistema educacional cujos conteúdos são voltados diretamente para o desenvolvimento do capital intelectual dos funcionários de uma corporação. Lembre-se: colaboradores capacitados e felizes com o ambiente em que trabalham, proporcionam impactos positivos nos processos de sua empresa.


Agora que você já sabe exatamente o que é a educação corporativa, vamos ver qual é a importância dela nas empresas?


Educar corporativamente seus colaboradores corresponde a uma estratégia com vantagem competitiva, que irá promover mudanças positivas na cultura organizacional e também na estrutura como um todo. A importância da educação corporativa pode ser analisada em perspectivas tangíveis e intangíveis, podendo ir muito adiante à formação educacional e do desenvolvimento de habilidades dos funcionários. A implementação dessa educação oferece diversos benefícios para as empresas. Vamos apresentar alguns deles.


Incentivar a educação corporativa também é focar em pessoas, um dos papéis do líder. Veja quais são os outros: https://www.insider.training/post/o-papel-do-líder


Mudança comportamental

Esse é o benefício a curto prazo que as empresas mais percebem ao iniciar os programas de educação corporativa. A autonomia inserida no método de aprendizagem incentiva as habilidades de liderança, o envolvimento e mais autoconhecimento entre os colaboradores. Como consequência, os resultados organizacionais são alcançados com mais eficácia.


Expansão da criatividade e inovação

Quando os colaboradores têm suas habilidades e competências do pensamento crítico e criativo estimuladas, eles passam a apresentar soluções inovadoras, tanto nos procedimentos quanto nos serviços rotineiros da empresa. Isso ocorre quando a corporação proporciona um local de colaboração para que a informação e aprendizagem sejam passadas por todos os setores.


Aumento da produtividade

Ao engajar-se na educação corporativa, o colaborador só têm vantagens, mas, quem mais se beneficia do conhecimento acumulado são as empresas. O colaborador irá desenvolver interesse em todo processo de organização disposto a conhecer setores variados, além de procurar se entrosar mais com sua equipe.


Retenção de talentos

Com todo o investimento que a empresa dedica para o seu desenvolvimento pessoal e intelectual, o colaborador passa a se sentir mais reconhecido e valorizado, sua autoestima sobe. Isso tudo transforma-se em motivação para que ele queira continuar na empresa, procurando novas chances internas de progresso. A educação corporativa sustenta o planejamento de permanência dos talentos da organização, além de ser considerada um programa de vantagens muito prestigiado pelo mercado, atraindo os melhores talentos para a empresa.


É preciso lembrar que a educação empresarial é uma prática que vai além da capacidade e preparação da predisposição individual de cada profissional. Pensar no conhecimento enquanto corporação - e não só como partes individuais - é essencial. Portanto, antes de implementar uma educação corporativa, a empresa deve considerar uma sequência de princípios. Se liga nas dicas que separamos para você:


  • Competitividade: a gestão do conhecimento precisa ser realizada de forma a serem criadas competências que vão resultar na empresa ser mais competitiva no mercado em que atua.


  • Perpetuidade: a educação empresarial carece de espelhar as mudanças que propagam valores e cultura da organização. Jamais deve haver um entendimento momentâneo, apenas, mas sim a longo prazo.


  • Conectividade: a educação deve ser um uma ferramenta de conexão entre os colaboradores e o ambiente em que trabalham.


  • Disponibilidade: o método de aprendizagem precisa se adaptar às necessidades de cada pessoa, flexibilizando tanto o horário quanto o local. Esse princípio pode ter como alternativa a educação corporativa à distância.


  • Cidadania: a educação corporativa deve incrementar o desenvolvimento social, coletivo e individual dos colaboradores.


Além de tudo o que já foi citado, também é muito importante escolher métodos adequados, que sejam capazes de tornar seu programa educacional animador e diversificado. Caso isso ultrapasse os seus recursos, é viável escolher um recurso com um custo-benefício melhor, mas que continue atendendo às suas necessidades.

Um exemplo destes recursos são os sistemas de gerenciamento de aprendizagem e as plataformas de experiência e aprendizagem, ambas são ótimas opções para as empresas que pretendem investir em treinamentos contínuos para seus colaboradores.

Nem sempre o programa de educação corporativa vai funcionar corretamente logo de primeira. Por isso, é fundamental avaliar constantemente a eficácia das ferramentas de treinamentos utilizadas na sua corporação, e ajustar o seu programa de acordo com o que for preciso para alcançar resultados mais satisfatórios.

Inspire-se a montar um planejamento de educação corporativa com o passo a passo para montar um treinamento de equipe aqui: LINK DO TEXTO “PLANO DE TREINAMENTO”

Estar sempre atento ao feedback dos seus colaboradores para avaliar suas sugestões e entender suas críticas vai ajudar na melhoria dos métodos, visto que são eles mesmos que os utilizam. Elabore um programa de incentivo, que seja capaz de motivar seus funcionários a finalizarem cursos e aplicarem seus novos talentos no trabalho.

Ao fornecer oportunidades educacionais para sua equipe, você estará expandindo a competitividade de sua corporação, ao mesmo tempo proporcionando aos seus colaboradores vantagens de se preparar para futuras oportunidades dentro da empresa.


31 visualizações0 comentário

Comentarios


bottom of page