top of page
Buscar
  • Marcello Miranda Machado Filho

Desenvolvimento de pessoas: 11 motivos para investir

Conexões humanas. Esta é uma das grandes tendências para o mercado de trabalho de 2021, para a qual empresas de diversos segmentos precisam dar mais atenção. Afinal, desenvolver pessoas é investir no ativo mais importante da sua empresa: a sua equipe. Uma das formas de fazer isso é criar um ambiente de trabalho com um time mais integrado e, acredite, mais produtivo, com a ajuda de uma dupla imbatível: Treinamento e Desenvolvimento, também conhecida como T&D.


Vale destacar que investir pode significar: dinheiro, tempo, pessoas e diversidade. O ser humano está cada vez mais ávido por vivências e experiências que o fazem sentir. Isso mesmo. Sentir. Algo que nem sempre está relacionado ao trabalho, como mostra o relatório “2021 Global Marketing Trends”, da Deloitte. Em 2020, muitas empresas focaram em produtividade e eficiência. Pode ter funcionado para 2020. Mas, para ter produtividade neste ano, será preciso investir nas relações pessoais.


Dedicar tempo ao seu colaborador, ou seja, praticar uma escuta ativa às emoções que estão intrínsecas àquele ser humano e abraçar o fato de que uma pessoa é totalmente diferente da outra. As práticas de T&D, além de proporcionar uma experiência de aprendizado para a equipe, ainda sugerem que cada um possa se enxergar como - antes de mais nada - um ser que precisa sentir para estar completo onde quer que esteja.


Existem - no mínimo - 11 razões para investir no seu time:


Saiba como manter o engajamento e o aprendizado de equipes remotas: https://www.insider.training/post/como-manter-o-engajamento-e-aprendizado-de-equipes-remotas


Gerar experiências

Colaboradores mais motivados e valorizados entendem que a empresa está desenvolvendo ações com foco na melhoria das pessoas que a compõem.


Entrosamento

Comunicação é a chave para o sucesso do trabalho em equipes formadas por diversos perfis de pessoas, e as práticas de T&D desenvolvem habilidades que permitem agilidade no entendimento e na execução das tarefas.


Maior participação dos colaboradores na tomada de decisão da empresa

Quando os colaboradores têm mais conhecimento e entendem de forma transparente os pontos de cultura da empresa, sentem mais confiança para participar das decisões dela. É o pertencimento na pirâmide de Maslow aplicado na prática.


Mais talentos ficam na empresa

Para quê trocar de trabalho se este em que estou faz eu me sentir bem com os colegas e ainda investe em conhecimento da equipe? Isso diminui gastos com contratação de pessoas novas e permite que os colaboradores cresçam na empresa.


Estratégias mais alinhadas

Os colaboradores têm a segurança de saber exatamente quais os pontos de cultura da empresa onde trabalha e para onde ela está mirando, além de entenderem como sua performance é medida.


Facilita a apresentação de um novo colaborador

Treinamentos básicos, sobre a história da empresa, por exemplo, ajudam as pessoas que estão chegando a entenderem a cultura empresarial. O onboarding é fundamental para reduzir a ramp-up phase do novo colaborador, ou seja, o tempo que leva para que esteja produzindo plenamente suas atribuições.


Procedimentos padronizados

Em franquias, por exemplo, o treinamento é fundamental para igualar as ações em todas as lojas da marca e melhorar a percepção dos clientes e stakeholders de que existe uma identidade clara na empresa.


Cultura de melhoria contínua

Sempre existe algo a ser melhorado. Se apenas um colaborador aprender determinada ação, ele(a) pode compartilhar com os demais colegas. O lifelong learning como modelo mental, faz com que a curiosidade e a aprendizagem sejam nativas em um ambiente onde se pode perguntar qualquer coisa, sem que a pessoa seja interpretada como alguém com menos capacidade. Todos aprendem e todos ensinam os que ainda não aprenderam.


Produtos cada vez melhores

Em um mundo no qual o perfil do cliente e seus hábitos de consumo mudam a todo momento, treinar e desenvolver a equipe com frequência garante atualização em tempo real e, por consequência, garante que a empresa seja referência em seu ramo de atuação.

Boa reputação perante os clientes

O cliente que sabe do contínuo treinamento e desenvolvimento das pessoas que compõem a empresa que frequenta, automaticamente vincula a equipe qualificada aos bons produtos, à inovação e ao atendimento de qualidade.


Garantia de qualidade

A qualificação profissional constante garante uma equipe sempre atenta às mudanças e inovações do setor em que trabalha, para atender, inclusive, aos novos hábitos dos clientes.


Em resumo, enxergar, valorizar, investir tempo e dinheiro na equipe que está com você traz uma força ainda maior de produção. Ter um alto índice de entrega, mas com um trabalho que precisa ser refeito o tempo todo pode gerar mais gastos que ter colaboradores entrosados, que sabem as metas da empresa onde trabalham e sentem-se parte integrante de um time diversificado que quer vencer.


Profissionais qualificados, satisfeitos, com experiências e vivências em comum garantem melhores resultados para a empresa que vai ganhar reputação no mercado em um dos pontos mais fortes de uma organização: o desempenho orgânico e de total sincronia da sua equipe, valorizando pessoas que equilibram de forma natural as demandas pessoais com as qualificações profissionais.


42 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page